Leveza versátil

A necessidade de incluir no cardápio diário várias porções de legumes e vegetais para manter uma alimentação saudável implica na busca constante por receitas que deixem esses pratos mais apetitosos. Isso porque ninguém aguenta viver de legumes cozidos no vapor por muito tempo. Não há quem não enjoe rapidinho.

A minha sorte é que existem inúmeras maneiras de se preparar qualquer acompanhamento de vegetais para compor perfeitamente um prato saboroso e ainda por cima extremamente saudável. Na maioria das vezes evito comer suflês, pois a combinação leite, ovo e farinha pode ser bastante calórica. Mas a receita que testei hoje ficou tão levinha que não tinha como deixar passar. Confira.

Suflê de brócolis e palmito

Suflê de brócolis e palmito

100 g de brócolis lavado e cortado em ramos
50 g de palmito picado em conserva
1/2 cebola picada
1 dente de alho picado
10 ml de leite desnatado
1 col. de sobremesa rasa de farinha de trigo
1 ovo batido
sal a gosto

Modo de preparo:
Em uma panela antiaderente, refogue a cebola e o alho com um pouco de água para não queimar. Quando estiverem macios, junte o brócolis e o palmito. Acrescente um pouco de água (aproximadamente 20 ml) para auxiliar enquanto os legumes são refogados. Tempere com sal a gosto e cozinhe por 10 minutos até ficarem al dente e a água evaporar completamente. Reserve e deixe esfriar.
Dissolva a farinha no leite desnatado, mexendo bem para não “empelotar”. Acrescente o ovo batido e os legumes já em temperatura ambiente e leve ao multiprocessador. Bata tudo até obter um creme homogêneo. Transfira a mistura para duas forminhas tipo ramekin e leve ao forno médio (200ºC) pré-aquecido por 20 minutos até dourar. Deixe descansar alguns minutos antes de desenformar e servir.

Rende 2 porções.

Nunca provei um suflê tão fofo e leve quanto esse. A melhor parte é a facilidade com a qual um simples brócolis cozido pode ser transformado num acompanhamento sofisticado e capaz de incrementar qualquer carne grelhada.

A quantidade sugerida aqui rende duas porções se a intenção for comer como acompanhamento no almoço. Entretanto, como o volume total preparado não é muito grande, vale também saborear a receita completa como jantar acompanhada de uma bela salada.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s