Molhos especiais

Preparar medalhões de filé mignon para o almoço pode parecer um prato simples demais ou até sem graça. Realmente, comer apenas um pedaço de carne sem nada para acompanhar, mesmo que seja um suculento filé mignon, tem seu lado simplório demais.

Mas aqui entra a individualidade e criatividade essencial de todo cozinheiro. Um belo molho faz toda a diferença na hora de saborear um medalhão desta carne, uma das mais saudáveis que há para comer. O importante para manter o prato saudável é escolher um molho saboroso mas não muito cremoso como este que descobri esses dias.

Filé mignon ao molho de shitake

Filé mignon ao molho de shitake

1 medalhão de filé mignon médio
100 g de shitake fresco
1 dente de alho picado
3 col. de sopa de cebola picada
60 ml de caldo de carne
20 ml de vinho branco seco
5 ml de vinagre balsâmico
1 col. de sopa de cebolinha picada
sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Tempere o filé com sal e pimenta a gosto. Leve para assar em forno médio (180˚C) pré-aquecido por 20 minutos ou até atingir o ponto desejado. Reserve.
Para preparar o molho, aqueça uma frigideira antiaderente em fogo médio e refogue a cebola e o alho picados por 2 ou 3 minutos até começarem a ficar macios. Acrescente o shitake fatiado e continue refogando por mais alguns minutos até o cogumelo murchar um pouco.
Despeje o caldo de carne, o vinho branco e o vinagre balsâmico e cozinhe mexendo de vez em quando até reduzir e engrossar levemente (aproximadamente 5 minutos). Adicione a cebolinha picada, mexa mais um pouco e desligue o fogo. Regue a carne com o molho e sirva acompanhado de arroz selvagem e legumes cozidos.

Apesar de não usar amido ou farinha, o molho consegue engrossar bem ao cozinhar por alguns minutos devido ao vinagre balsâmico que tem um toque adocicado. Isso sem falar na combinação do vinagre com o vinho e o sabor fresco do shitake que tornam este molho absolutamente divino.

A quantidade indicada na receita rende bastante molho e chega a ser suficiente para duas pessoas. Entretanto, preparei desta mesma forma apenas para mim e estava tão gostoso que comi tudo. Já tinha feito outros molhos parecidos à base de cogumelos frescos, mas este conseguiu subir para o topo da lista pela fantástica combinação de sabores. Ficou simplesmente sensacional.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Molhos especiais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s