Novas tentativas

Depois que fiz aquela primeira geleia de morango que publiquei aqui sabia que não demoraria muito para querer testar outras receitas. Isso porque apaixonei-me demais por geleias caseiras. Descobri que elas tem um sabor muito mais intenso e delicioso do que as que compramos prontas.

Mas como as versões tradicionais levam bastante açúcar, resolvi testar uma outra receita adaptando os ingredientes para poder usar aquele “açúcar light”, que nada mais é do que uma mistura de açúcar normal com o adoçante sucralose que pode ir ao forno e fogão. O segredo, neste caso, é acrescentar um pouco de suco de limão fresco para ajudar a dar o ponto certo da geleia.

Geleia de cereja caseira

Geleia de cereja caseira

350 g de cereja
125 g de açúcar light
1/2 col. de sopa de suco de limão siciliano

Modo de preparo:
Corte as cerejas ao meio para tirar o caroço ou use um utensílio específico para tirá-los. Junte as cerejas numa panela funda e acrescente um pouco de água apenas para que não grudem no fundo da panela (de 2 a 3 col. de sopa). Ligue o fogo e cozinhe as cerejas até amaciarem bem (aproximadamente 15 minutos).
Abaixe o fogo e acrescente o suco de limão e o açúcar light. Mexa bem até dissolver todo o açúcar. Aumente o fogo para começar a ferver. Em seguida, abaixe e mantenha fogo médio enquanto cozinha. Mexa de vez em quando e retire a espuma que formar com uma colher.
Após 10 minutos, faça o primeiro teste para ver se já está no ponto. Para fazer o teste, coloque um prato no freezer antes de começar a fazer a geleia. Retire-o e pingue algumas gotas do doce. Espere 15 segundos e passe o dedo pela geleia. Se ficar firme e formar um caminho certinho está no ponto. Se a geleia escorrer e juntar novamente, ainda não está pronta.
Continue cozinhando e testando o ponto a cada 5 ou 10 minutos. Assim que ficar na consistência correta, desligue o fogo, deixe esfriar e coloque em potes esterilizados.

Rende aprox. 400 g.

Se fazer geleia já é uma arte, fazer geleia com menos açúcar do que o normal é uma arte mais complicada ainda. A verdade é que esta minha primeira tentativa parecia haver ficado no ponto certo 20 minutos depois que comecei a cozinhá-la. Depois descobri que ela ficou um pouco rala demais. Apesar disso, o sabor ficou uma absolutamente divino! E, convenhamos, é isso que realmente importa no final das contas.

Ela ter ficado rala pode ter acontecido por dois motivos. O fato de ter usado esse açúcar misturado light pode não ter feito com que o doce formasse a consistência correta. Outra possibilidade é eu ter tirado a geleia cedo demais do fogo. Depois dessa experiência, decidi que na minha próxima tentativa vou usar a tal da pectina usada nas receitas com menos açúcar. Essa substância naturalmente presente nas frutas pode ser acrescentada para ajudar a engrossar as geleias. Acho que vai dar certo. Depois conto como foi.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s