O sabor e conforto da infância

Com o inverno chegando vem também aquele friozinho gostoso e a vontade de comer comidinhas que aqueçam todo nosso interior. Sopas são ótimas opções de refeições leves e saudáveis para as noites mais frias do ano. Entretanto, ficar sempre na mesma pode enjoar muito rápido.

Buscando sempre variações e receitas novas, podemos optar por pratos que fazem o mesmo efeito da sopa mas são preparados de formas um pouco diferentes. Um cozido de carne como o que trago hoje não chega a ser uma sopa propriamente dita, mas o caldinho que fica no fundo do prato é tão delicioso quanto o de uma outra sopinha cremosa qualquer. Vale a pena investir.

Cozido de carne com legumes

Cozido de carne com legumes

100 g de filé mignon em cubos
1/2 cebola picada
1 dente de alho picado
150 g de ervilha torta
150 g de repolho verde
100 g de abóbora
1 col. de sopa de cebolinha picada
suco de 1 limão
240 ml de caldo de carne
sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Aqueça uma panela funda antiaderente e fogo médio-alto. Regue com um fio de azeite e refogue o filé mignon cortado em cubos, a cebola e o alho picados de 3 a 5 minutos até que a carne comece a cozinhar e a cebola fique transparente.
Acrescente o caldo de carne e a abóbora cortada em cubos médios. Deixe ferver e abaixe o fogo mantendo uma leve fervura. Cozinhe 5 minutos até a abóbora começar a amaciar.
Acrescente a ervilha torta cortada ao meio e o repolho verde cortado em cubos médios. Cozinhe por mais 3 a 5 minutos até que tudo esteja macio. Desligue o fogo, regue com o suco de limão, tempere com sal e pimenta a gosto e salpique com a cebolinha picada. Sirva com torradinhas e uma salada leve para acompanhar.

Super simples de fazer e extremamente prático, o cozido funciona muito bem para um almoço leve ou jantar quentinho nesses dias de inverno. Além de ser saboroso na sua simplicidade, a receita inclui uma variedade de ingredientes saudáveis e importantes para uma alimentação balanceada.

Além disso, o prato tem aquele gostinho caseiro indiscutível. Ao comê-lo, sentimos uma sensação de conforto e aconchego que só as receitas das nossas mães ou avós consegue trazer. Se você mora sozinho ou longe da sua família e está carente daquela comidinha da mamãe prepare este prato. Tenho certeza que vai se sentir criança de novo.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Ideal para o dia a dia

Muitas pessoas (eu inclusive) morrem de preguiça de fazer lagarto pelo trabalho que dá. Ainda por cima, precisa ter uma boa panela de pressão para cozinhar da maneira clássica sem gastar horas na cozinha. Entretanto, esses dias descobri que é possível comprar o lagarto já fatiado no supermercado para assá-lo no forno.

Simples e saboroso, o lagarto é um corte bastante saudável de carne vermelha. Com pouca gordura saturada é uma ótima opção para o dia a dia, além de ser uma excelente fonte de ferro. Isso sem contar que é extremamente saborosa e, por ter um sabor delicado, combina com diversos acompanhamentos.

Lagarto com purê de abóbora

Lagarto com purê de abóbora

2 fatias médias de lagarto
200 g de abóbora
1/4 de cebola
1 dente de alho
15 ml de leite de coco light
sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Tempere a carne com sal e pimenta-do-reino a gosto e leve para assar numa forma refratária antiaderente em forno médio (200˚C) até cozinhar completamente (de 20 a 25 minutos).
Corte a abóbora e a cebola em pedaços grosseiros. Ferva 500 ml de água e cozinhe a abóbora junto com os pedaços de cebola até ficarem macios (aproximadamente 20 minutos). Descarte a água e coloque tudo num multiprocessador junto com o dente de alho picado. Triture até formar uma mistura homogênea. Acrescente o leite de coco e mexa com uma colher para juntar. Sirva as fatias de carne cobertas pelo purê de abóbora.

Muito simples e saboroso, o purê de abóbora funciona super bem como substituto do clássico purê de batata em qualquer ocasião. A maneira como eu preparei é uma das mais fáceis, mas há diversas opções e variações possíveis. Para deixá-lo mais interessante, basta escolher outros ingredientes para adicionar à mistura e formar um temperinho especial.

A pouquíssima quantidade de leite de coco que incluí na receita funciona apenas para dar uma consistência mais cremosa ao purê. Seu gosto tão característico é praticamente imperceptível, mas se você preferir pode muito bem trocá-lo por leite desnatado normal. Outra opção é misturar um pouco de creme de leite light ao purê.

Por hoje é só.

Bon appetit!