Investindo na criatividade

Ficar no peito de frango grelhado o tempo todo não dá, não é mesmo? Por isso estou sempre procurando receitas interessantes e diferentes de como preparar esta ave saborosa. Como a carne do frango é super suave ela consegue absorver bem qualquer tempero usado o que é excelente e abre mil caminhos para que a criatividade reine na cozinha.

Para quem está de dieta ou quer manter uma alimentação mais saudável, o peito é realmente a parte mais indicada já que é a mais magra do frango. Entretanto, podemos saborear coxas e sobrecoxas sem culpa nenhuma, mesmo quando estamos preocupados com a alimentação. O importante é só lembrar de tirar a pele antes de assar.

Coxa de frango ao alho

Coxa de frango ao alho

2 coxas de frango sem pele
1/2 cabeça de alho
45 ml de vinho branco
1 col. de sobremesa de mostarda
60 ml de caldo de galinha
1 col. de chá de farinha
1 col. de sopa de cebolinha picada
sal, pimenta e azeite a gosto

Modo de preparo:
Tempere o frango com sal e pimenta a gosto e reserve. Descasque cada dente de alho e amasse levemente com a lateral da faca. Aqueça uma frigideira antiaderente em fogo médio e regue com um fio de azeite. Refogue os dentes de alho mexendo de vez em quando até começarem a dourar. Retire da frigideira e reserve.
Coloque as coxas de frango na panela e cozinhe até começarem a dourar (aproximadamente 5 minutos de cada lado). Retorne os dentes de alho à frigideira e derrame o vinho branco. Cozinhe com uma leve fervura até o líquido evaporar quase todo.
Numa tigela, misture a mostarda, o caldo de galinha e a farinha. Acrescente a mistura à panela. Deixe ferver, abaixe o fogo e cozinhe semi-tampado mantendo uma leve fervura por 10 minutos ou até que o frango esteja completamente cozido, os dentes de alho tenham amaciado bem e o molho tenha engrossado. Sirva salpicado com a cebolinha picada.

Adoro o sabor delicado e a textura suave dos dentes de alho assados ou cozidos. Preparados inteiros desta maneira, eles perdem sua intensidade e transformam-se em delicados acompanhamentos a uma carne macia e saborosa como a da coxa do frango. Isso sem contar com o tempero fantástico que eles proporcionam ao prato final.

Dito isso, um dos pontos altos desta receita foi o molho de mostarda acrescentado no final. Absolutamente divino, o molho incorpora todos os sabores do frango e do alho que foram selados na frigideira anteriormente. Não esqueça de comer acompanhado de couscous marroquinho ou arroz branco para sugar todo esse molho. Ele ficou absolutamente divino.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Sabores inusitados

Quem já imaginou que uma combinação de canela com prato salgado ficasse bom? Muito apreciada em sobremesas e doces em geral, a canela é uma especiaria fantástica que traz um gostinho especial a qualquer preparação. Sempre fui apaixonada por canela e quando vi esta receita resolvi experimentar e tirar a prova se ficava bom.

A melhor parte deste prato é sua simplicidade absurda. Pronto em menos de 30 minutos ele é perfeito para fazer num dia corrido de pouca imaginação. Por ser simples, outra vantagem é que ele também aceita praticamente qualquer acompanhamento. Aproveite para fazer seus pratos preferidos para comer junto com este.

Coxa de frango assada com canela

Coxa de frango assada com canela

2 coxas de frango
1 col. de chá de azeite
1 col. de chá de canela
sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Tempere as coxas de frango com sal e pimenta a gosto. Regue com o azeite e passe a canela em volta para que toda a carne fique coberta. Leve para assar numa forma refratária antiaderente em forno médio (200˚C) por 20 minutos ou até que esteja no ponto. Sirva com legumes refogados e arroz integral.

Por mais inusitado que pareça, o resultado ficou fantástico. Por causa de suas características inerentes e seu sabor peculiar, a canela trouxe um gostinho agridoce ao prato. Com isso, foi possível saborear o doce e o salgado ao mesmo tempo sem a necessidade de acrescentar açúcar ou mel à receita.

O único problema que encontrei no preparo desta receita foi que a canela se perdeu um pouco durante o processo de cozimento. Acho que a quantidade pequena de canela acrescentada às coxas de frango não foi suficiente para que permanecesse intacta. Da próxima vez acho colocarei mais canela para testar o resultado.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Simples e saboroso

Uma das fontes mais magras de proteína é o peito de frango. Clássico e protagonista de quase todas as dietas ou planos alimentares, pode tornar-se entediante ou sem graça quando ficamos só nele. Uma alternativa é aventurar-se por outros corte do frango como coxas e sobre coxas. Quando cozidos sem a pele, estas carnes também são uma ótima fonte de proteína magra para incluir na alimentação.

A pele presente nestes cortes cotem altos índices de gordura que, quando não retirada, acaba infiltrando-se na carne. Apesar de não perder o sabor quando cozida sem a pele, a coxa de frango pode ficar um pouco simples demais se feita pura. A solução? É só caprichar no molho. Este que testei hoje é super simples e suave e ficou uma delícia.

Coxa de frango ao limão com gengibre

Coxa de frango ao limão com gengibre

2 coxas de frango
suco de 1 limão siciliano
1 col. de sobremesa de raspas de limão
1/2 col. de chá de gengibre em pó
1 col. de sobremesa de mel
1/2 col. de sobremesa de shoyu light
1 col. de sobremesa de água
sal a gosto

Modo de preparo:
Numa tigela, misture as raspas de limão com o gengibre e uma pitada de sal. Em outra tigela, junte o suco do limão, o mel, a água e o shoyu. Tempere as coxas de frango com a mistura de raspas de limão e gengibre. Massageie com as mãos para ter certeza de que as coxas estejam bem impregnadas com o tempero.
Aqueça uma frigideira antiaderente e coloque o frango. Deixe cozinhar por aproximadamente 5 minutos de cada lado até começar a dourar. Acrescente o molho, abaixe o fogo e cozinhe tampado por mais 5 minutos ou até que o frango esteja pronto e o molho tenha reduzido e caramelizado. Sirva acompanhado de legumes no vapor.

A receita pode parecer bem simples mas fica absolutamente deliciosa. Se o molho tiver reduzido demais e o frango não estiver cozido ainda, acrescente mais um pouco de limão e mel. Assim o tempero continua caramelizado e saboroso. Em último caso, coloque mais 1 col. de sopa de água para não secar completamente.

Este prato é ótimo para fazer num dia de semana corrido. Por não exigir nenhuma preparação sofisticada ou demorada, pode ser feito meia hora antes do horário do almoço sem correria. O sabor também não fica muito intenso, perfeito para quem prefere receitas mais suaves e delicadas.

Por hoje é só.

Bon appetit!