Buscando sabores novos

Quando pensamos em saladas muitas pessoas pensam em coisas sem graça, só com alface e tomate, certo? Entretanto, o mundo das saladas é incrivelmente diverso e pode trazer uma combinação de ingredientes inusitados e deliciosos. Adoro fazer saladinhas para acompanhar um sanduíche natural quando janto na faculdade. Por isso, estou sempre procurando receitas novas e interessantes.

Já compartilhei várias dicas super saborosas aqui no blog. A de beterraba com espinafre e feijão branco é uma das minhas preferidas, mas tem também opções mais simples como a de grão de bico ou a de soja. E para deixar sua salada ainda mais gostosa, tenho também algumas sugestões de molhos deliciosos.

Salada de escarola, milho e feijão branco

Salada de escarola, milho e feijão branco

10 folhas de escarola
100 g de vagem
50 g de milho
125 g de feijão branco em conserva
azeite, vinagre de vinho branco, salsinha e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo:
Abra a lata de feijão branco em conserva e escorra o líquido que vem dentro. Lave bem o feijão em água corrente para tirar o excesso de sal. Reserve numa tigela.
Cozinhe a vagem em água fervente por 2 ou 3 minutos até ficar al dente. Escorra e transfira para um banho de água fria com gelo para parar o cozimento e ficar crocante. Junte o milho e a vagem na tigela com o feijão branco reservado. Mexa bem para misturar tudo.
Aqueça uma frigideira antiaderente e regue com um fio de azeite. Corte as folhas de escarola em tiras e leve à frigideira para refogar. Mexa por alguns minutos até murchar bem. Acrescente a escarola refogada aos outros ingredientes e tempere com azeite, vinagre, salsinha e pimenta do reino a gosto. Sirva de acompanhamento no seu jantar.

Como esta receita inclui refogar as folhas de escarola o legal é comê-la assim que ficar pronta para poder saborear tudo com uma temperatura levemente aquecida. Entretanto, nada impede que você prepare esta salada para levar de almoço ou jantar no seu trabalho. Nesse caso, não esqueça de deixar esfriar completamente antes de tampar o pote para não criar gotinhas de umidade.

Adorei esta nova salada que encontrei. A combinação suave das folhas de escarola refogadas casou perfeitamente com o leve sabor adocicado do feijão branco e do milho. Além disse, a vagem crocante deu mais uma dimensão de textura ao produto final.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Sabor e saúde em 5 minutos

A receita que trago hoje para vocês exemplifica perfeitamente como a curiosidade e a praticidade são aliadas fundamentais na cozinha, especialmente de quem mora sozinho. Vocês já devem ter visto pacotes de alimentos com a seguinte frase escrita na caixa “cozido no vapor”. Eles já vem prontos para serem consumidos e duram bastante, mas não são exatamente conservas enlatadas já que não têm aditivos como sódio para conservá-los.

Sempre que via estes alimentos tinha curiosidade de experimentar. Queria saber, principalmente, se o sabor do alimento era o mesmo do preparado por mim em casa de forma tradicional. E, como não são exatamente conservas, será que a quantidade de sal seria alta como acontece com a maioria dos enlatados?

Salada de beterraba no vapor com espinafre e feijão branco

Salada de beterraba no vapor com espinafre e feijão branco

200 g de beterraba cozida no vapor
150 g de espinafre
1 caixa de feijão branco em conserva
1/2 cebola roxa
azeite, vinagre balsâmico, sal, pimenta e orégano a gosto

Modo de preparo:
Abra a lata de feijão branco e deixe escorrer água corrente durante alguns minutos para lavar bem e retirar o excesso de sal. Reserve.
Arrume num prato as folhas de espinafre bem lavadas e levemente rasgadas com a mão. Corte a cebola em meia lua e coloque por cima do espinafre. Corte a beterraba em cubos e posicione no prato. Por fim, despeje o feijão branco ao redor dos pedaços de beterraba. Tempere com azeite, vinagre balsâmico, sal, pimenta e orégano a gosto.

Rende 2 porções.

Fiquei maravilhada com esta salada. E, para minha alegria, a beterraba cozida no vapor é absolutamente deliciosa. Fresquinha e suculenta, ela realmente não tem um pingo de sal o que é ótimo já que podemos temperar a gosto e evitamos os excessos das conservas enlatadas.

No fim esta receita é perfeita para quem mora sozinho, vive correndo de um lado à outro e não tem muito tempo para gastar na cozinha. Super prática, ela demora no máximo 5 minutos para ficar pronta e fica uma delícia como acompanhamento de um belo peito de frango ou filé mignon grelhado. Experimente e comprove, recomendo.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Depois da lentilha vá de feijão branco

Estamos de volta! Ano novo, vida nova e mais receitas deliciosas. E para começar o ano com o pé direito, trago para vocês uma receita simples e fácil para fazer num domingo à noite depois de uma semana cansativa e penosa. Nada melhor do que saborear uma salada incrementada e crocante para começar a semana feliz.

Além de fácil, esta receita reúne ingredientes altamente nutritivos e reforçados para garantir uma alimentação balanceada. Com quantidades equilibradas de fibras, carboidratos e proteínas, esta salada funciona perfeitamente como prato principal de um jantar leve e gostoso.

Salada de atum em camadas

Salada de atum em camadas

1/2 lata de atum em pedaços
1 tomate
1 ovo cozido
1 col. de sopa mostarda
1/2 col. de sopa de azeite
1 col. de sopa de vinagre balsâmico
80g feijão branco em conserva
1 alcaparrão
sasinha, sal e pimenta-do-reino a gosto

Modo de preparo:
Numa tigela pequena, misture a mostarda, o azeite, o vinagre balsâmico e o alcaparrão picado. Tempere com sal e pimenta-do-reino a gosto. Escorra o feijão em conserva e coloque debaixo de água corrente por alguns minutos para tirar o excesso de sal. Acrescente o feijão ao molho e misture delicadamente.
Ferva um copo de água e cozinhe o ovo por aproximadamente 10 minutos. Passe o ovo para uma tigela com água fria para amornar. Retire a casca e corte-o em pedaços pequenos. Em seguida, corte o tomate em pedaços grosseiros.
Para arrumar a salada, comece com uma camada de tomate e despeje o atum em pedaços por cima. Acrescente o feijão temperado com o molho, o ovo cozido e salpique salsinha a gosto por cima. Sirva com palitinhos integrais.

O fato desta receita usar ingredientes enlatados na sua maior parte facilita muito e agiliza bastante a preparação. Nada melhor para alguém que mora sozinho e está sem saco para cozinhar algo muito elaborado para um domingo à noite. Entretanto, nada disso diminui o sabor delicioso e delicado desta salada refrescante e reforçada.

Adoro receitas práticas e rápidas como esta. Saladas incrementadas e cheias de ingredientes saudáveis são ótimas opções para pratos principais no jantar. A dica é fugir de molhos gordurosos à base de cremes e queijos. Na dúvida, tempere apenas com um fio de azeite e saboreie com prazer.

Por hoje é só.

Bon appetit!