Saúde criativa

Aqui no Brasil já nascemos sabendo a importância de comer arroz e feijão diariamente. Aprendemos desde cedo que essa combinação é uma das mais saudáveis que existe e acaba sendo indispensável para ter uma alimentação nutritiva e balanceada.

Mas para quem não é daqui o hábito de comer feijão todos os dias não é tão disseminado. Entretanto, incluir as leguminosas no cardápio diário é extremamente importante para obter todos os minerais e as vitaminas necessárias para o organismo. Além disso, feijões possuem altos níveis de fibras o que auxilia o bom funcionamento do intestino.

Salada de dois feijões com frango desfiado

Salada de dois feijões com frango desfiado

1/2 caixa de feijão fradinho em conserva
1/2 xíc. de chá de edamame congelado
1 peito de frango médio
1/2 tomate grande picado
1/2 cebola média picada
azeite, sal, pimenta e salsinha a gosto

Modo de preparo:
Tempere o peito de frango com sal e pimenta a gosto. Ferva 300 ml de água ou caldo de galinha numa panela funda e cozinhe o frango de 15 a 20 minutos. Escorra, deixe esfriar e desfie o frango. Reserve numa tigela.
Abra a caixa de feijão fradinho e deixe escorrer água corrente abundantemente para retirar o excesso de sal da conserva. Cozinhe o edamame em 200 ml de água fervente de 2 a 3 minutos. Escorra e coloque numa tigela de água gelada com gelo para parar o cozimento. Junte os feijões à tigela com o frango.
Por fim, adicione o tomate e a cebola picados na tigela. Tempere com azeite e salsinha a gosto e mexa bem. Coma acompanhado de torradinhas integrais.

Em países como os Estados Unidos onde o hábito de comer arroz e feijão diariamente não é tão comum criou-se outras opções para incluir as leguminosas na alimentação das pessoas. Saladas como esta com uma, duas ou três variedades de feijões são ótimas maneiras de saborear estes alimentos tão saudáveis e indispensáveis para a saúde.

Além das leguminosas, incluí nesta salada ingredientes básicos como tomate e cebola mas você pode adicionar outros vegetais como pepino, azeitona, ou mesmo cenoura ralada se preferir. Para tornar a salada completa e fazer dela uma refeição não esqueça de colocar uma boa fonte de proteína. Neste caso optei pelo frango desfiado mas atum enlatado ou camarões cozidos também complementam muito bem a combinação de feijões.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Expandindo horizontes

Depois de meses lendo e colecionando milhares de receitas das mais diversas localidades e modalidades tenho orgulho de dizer que criei uma receita própria! Tá, ela não é 100% original (mas convenhamos, que receita é 100% original). Tirei inspirações de vários lugares e acabei criando uma fusão de duas culinárias que adoro: a mexicana e a mediterrânea.

A princípio minha receita pode parecer igualzinha a muitas outras que encontramos por aí. Para ser sincera, não duvido nada que tenham “inventado” um prato idêntico ao meu. Mas desta vez digo com toda autoridade, se existir alguma receita igual a esta, juro que não vi. Esta saiu totalmente da minha cabeça.

Burrito mediterrâneo

Burrito mediterrâneo

1 unidade de pão folha
1/3 de embalagem de grão de bico cozido em conserva
1 peito de frango médio cozido e desfiado
2 folhas de alface
3 col. de sopa de salsa (molho de taco)
4 azeitonas fatiadas
1 pote de iogurte desnatado (estilo grego)

Modo de preparo:
Tempere o peito de frango com sal e pimenta chilli em pó a gosto. Ferva 300 ml de água com meio tablete de caldo de galinha. Acrescente o frango e cozinhe de 15 a 20 minutos ou até ficar pronto. Descarte o caldo, deixe o peito de frango esfriar, desfie e reserve.
Abra a embalagem de grão de bico cozido em conserva. Descarte a salmoura e deixe escorrer água nos grãos por alguns minutos para tirar o excesso de sal. Reserve. Enquanto isso, enrole o pão folha em papel alumínio e leve para aquecer em forno baixo (150˚C) por alguns minutos. Quanto estiver morno, retire do papel alumínio com cuidado.
Para montar o burrito, abra o pão folha num prato. Arrume as folhas de alface e as azeitonas fatiadas. Coloque o frango desfiado e o grão de bico por cima. Regue com a salsa e o iogurte desnatado concentrado. Enrole o pão folha e sirva em seguida.

"Burrito bowl"

Duas observações
Primeiramente, para preparar o iogurte desnatado concentrado (estilo grego) coloque um filtro de coar café numa peneira com furos finos. Despeje o iogurte dentro do filtro e deixe escorrer a água que soltar para dentro de um copo. Tampe com filme plástico e deixe na geladeira por algumas horas. Quanto mais tempo ficar escorrendo, mais concentrado (e mais parecido com creme azedo) o iogurte ficará.

A segunda questão envolve uma peculiaridade minha. O pão folha não é grande o suficiente para comportar todo o recheio. Por isso, coloquei uma parte dentro do pão (fazendo o burrito tradicional) e o restante coloquei numa tigela, criando assim um “burrito bowl“. Esta tática não deixa de ser uma opção ótima para quando não tiver (ou quiser usar) a tortilha. Todos os sabores do burrito estão lá sem o acréscimo do pão. Perfeito para um jantarzinho singelo saboroso.

Por hoje é só.

Bon appetit!