Versatilidade express

Quem disse que atum enlatado serve apenas para preparar cremes ou pastas e passar no pão para fazer sanduíche natural? Este peixinho suave e saboroso traz vários benefícios para nossa saúde por conter bons níveis de ômega 3 e deve ser consumido regularmente. O melhor é que eles também são extremamente versáteis e combinam com inúmeras receitas deliciosas.

Desta vez resolvi acatar meu desejo de comer um belo hambúrguer e optei por preparar um relativamente mais saudável do que os tradicionais. Achei esta receita bastante interessante e fácil de fazer. Minha surpresa foi descobrir que o sabor final ficou absolutamente divino também. Recomendo!

Hambúrguer de atum express

Hambúrguer de atum express

1 lata de atum light em pedaços
1 fatia de pão integral
1 col. de sopa de iogurte natural desnatado
1 unidade de pimentão vermelho em conserva
100 g de cebola picada
azeite, sal e pimenta a gosto

molho
1 col. de sopa de iogurte natural desnatado
1 col. de sopa de mostarda forte
1 unidade de pimentão vermelho em conserva

Modo de preparo:
Primeiro prepare o molho. Junte o iogurte natural desnatado com a mostarda forte numa tigela pequena. Misture bem para ficar homogêneo. Acrescente o pimentão vermelho bem picado e mexa para incorporar. Reserve na geladeira.
Para fazer os hambúrgueres, junte o atum em lata despedaçado, a fatia de pão integral esfarelada e o iogurte desnatado numa tigela. Acrescente o pimentão vermelho em conserva picado e a cebola picada. Tempere com sal e pimenta a gosto e misture bem com as mãos até ficar completamente homogêneo.
Forme 2 bolas achatadas e leve à geladeira por 20 minutos para firmar. Aqueça uma frigideira ou grelha antiaderente e unte com um fio de azeite. Grelhe os hambúrgueres de atum até ficarem firmes e levemente tostados. Sirva com 1 col. de sopa do molho por cima.

Rende 1 hambúrguer grande ou 2 médios.

No começo a mistura pode parecer bem mole e molhada. Entretanto, assim que ela começa a grelhar adquire uma consistência firme e fica fácil de virar o hambúrguer com a ajuda de uma espátula. O tempo de geladeira também é importante para ajudar a firmar a mistura, o que vai facilitar ainda mais na hora de virar a carne.

Depois que descobri esses pimentões vermelhos em conserva me apaixonei. Eles combinam super bem com diversas receitas e ficaram especialmente saborosos neste prato. Além de acrescentar um colorido divertido ao hambúrguer, trouxeram uma intensidade de sabor delicioso ao prato final.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Deixando a preguiça de lado

É incrível o que alguns simples temperos conseguem fazer com um pedaço de frango. Sempre que ando sem muita imaginação ou estou com preguiça de preparar algo muito elaborado, tiro da gaveta receitas altamente saborosas que são extremamente simples de fazer.

O visual geralmente não faz jus aos sabores e à primeira vista as receitas indianas parecem mais difíceis de preparar do que realmente são. A grande maioria, no fundo, é simplesmente uma mistura muito inteligente e surpreendente de especiarias e temperos divinos típicos da região. A receita de hoje parece simples, e é, mas o sabor é tão sofisticado quanto qualquer outro.

Frango tandoori

Frango tandoori

1/2 peito de frango cortado em dois
1/4 cebola picada
1/2 col. de chá de gengibre em pó
1 dente de alho
1/2 pote de iogurte natural desnatado
suco de 1/2 limão
1 col. de chá de paprika
1 col. de chá de cominho em pó
1 col. de chá de noz moscada em pó
1/2 col. de chá chili em pó
sal a gosto

Modo de preparo:
Junte num multiprocessador a cebola, o gengibre e o alho e triture bem até ficar tudo em pedaços bem pequenos. Acrescente o iogurte, a paprika, o cominho, a noz moscada e o suco de limão. Misture mais um pouco apenas para terminar de incorporar todos os temperos.
Coloque o frango e a mistura de temperos num saquinho de plástico e deixe marinando na geladeira de 8 a 24 horas. Depois desse tempo, descarte o molho da marinada, aqueça uma frigideira antiaderente e coloque os pedaços de frango para cozinhar. Vire o frango de vez em quando para cozinhar de maneira uniforme. Deixe de 6 a 10 minutos ou até assar por completo. Sirva com arroz integral e legumes ao vapor ou couscous de quinoa.

O preparo prévio do prato até chega a ser demorado já que o frango deve ficar marinando por várias horas. Mas isso é feito para que a carne consiga incorporar por completo todos esses sabores deliciosos vindos dos temperos e especiarias acrescentadas à marinada.

Desconsiderando esse fato, a receita na verdade é bastante fácil de preparar e não envolve técnica ou conhecimento sofisticado algum. A melhor parte é que o sabor é tão espetacular que o prato pode ser feito para um almoço solitário qualquer ou para um jantar especial à dois.

Por hoje é só.

Bon appetit!