A nova onda na hora de empanar

Sempre gostei de filé a milanesa, fosse de carne, frango ou peixe. Mas depois que passei pela reeducação alimentar, vi que essa história de fica empanando e fritando os filés não era algo muito saudável para minha vida. Confesso que sinto um pouco de saudade, mas agora descobri uma farinha que, além de ser nutritiva, serve como substituto na hora de preparar o empanado: a farinha de maracujá.

Segundo li em artigos escritos por nutricionistas, a farinha é feita da casca do maracujá e é riquíssima em fibras, vitaminas e minerais. Além disso, tem o poder de baixar as taxas de açúcar no sangue, controlar a glicemia e reduzir a velocidade com que o açúcar entra no sangue, o que é ótimo para quem sofre com diabetes. Por fim, a farinha de maracujá é também um excelente bloqueador de gordura, reduzindo a quantidade que é absorvida pelo organismo. Ou seja, fantástico para quem quer manter a linha e a dieta.

Com todos esses benefícios, não tinha como eu não provar uma receita que achei de peixe empanado com a tal da farinha de maracujá. O resultado ficou divino e, apesar de não ficar tão crocante quanto o tradicional filé a milanesa, vale a pena a substituição para ganhar todos os benefícios que a farinha da casca de maracujá proporciona.

Peixe empanado com maracujá

Peixe empanado com maracujá

1 filé de linguado
1 dente de alho amassado
1 col. de sopa de suco concentrado de maracujá
2 col. de sopa de vinho branco
1 col. de sopa de farinha de maracujá
1 col. de sopa de farinha de rosca
azeite e sal a gosto

Modo de preparo:
Numa forma refratária, tempere o peixe com sal, alho, o suco de maracujá e o vinho branco. Deixe marinar por 30 minutos. Misture a farinha de maracujá com a farinha de rosca e empane os filés. Unte uma forma antiaderente com um fio de azeite e coloque o filé. Regue o peixe com outro fio de azeite e leve ao forno pré-aquecido em 180ºC por 25 minutos. Vire na metade do tempo. Sirva em seguida.

O tipo de peixe que usei não se presta perfeitamente para esta preparação pois é bastante fino e quebradiço. Entretanto, não comprometeu em nada o sabor final do prato. De qualquer maneira, sugiro optar por outros tipos de filés, como namorado, st. pierre, robalo ou pescada.

O gostinho da farinha de maracujá é praticamente o mesmo da farinha de rosca normal, ou seja, não se preocupe se você não gosta muito do gosto do maracujá pois não vai ficar muito forte. Mas caso você seja como eu que adora maracujá, vale fazer a marinada com uma quantidade maior do suco para que o peixe pegue bem o sabor.

Além de ser super nutritivo, este prato é altamente saudável e pouco calórico. O fato de assar o filé no forno ao invés de fritá-lo reduz enormemente o número de calorias e gordura ingerida. O peixe pode não ficar crocante como fica quando é frito, mas os benefícios desta forma de preparação acabam compensando no final.

Por hoje é só.

Bon appetit!

Anúncios

2 pensamentos sobre “A nova onda na hora de empanar

    • Oi ju, não é difícil achar não. Qualquer lojinha que venda produtos alternativos e saudáveis desse tipo tem para vender. E eu até achei numa barraquinha na feira do Guará! =]
      Beijos,
      Gabi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s