Para festejar o retorno

Depois de um mês de férias “forçadas” o blog está de volta! E para comemorar, vou trazer para vocês esta semana um cardápio completo de delícias para fazer um jantar sofisticado e romântico para aquela pessoa especial na sua vida. Dessa vez o mote “culinária saudável” não será o foco das receitas.

Não que este cardápio seja de todo péssimo. Mas digamos que não seria uma boa opção para fazer rotineiramente. Aproveite as dicas de receitas desta semana para ocasiões especiais. Afinal, de vez em quando é permitido sair da dieta balanceada que nos esforçamos tanto diariamente para seguir. Todos merecemos um dia de extravagâncias.

Lombinho com crosta de pão e amêndoas ao molho de barbecue de ameixa

Lombinho com crosta de pão e amêndoas ao molho de barbecue de ameixa

1 peça de lombo de porco magra (aprox. 1kg)
3 col. de sopa cheias de manteiga light
2 fatias de pão integral
30 g de amêndoas em lascas
sal, pimenta e sálvia a gosto

para o molho
100 g de ameixa fresca ou congelada
1 col. de sopa cheia de mostarda
2 col. de sopa de mel

Modo de preparo:
Tempere o lombinho com sal, pimenta do reino moída na hora e sálvia a gosto. Arrume num refratário e cubra com papel alumínio. Leve à geladeira e deixe marinando no tempero por pelo menos 4 horas.
Derreta a manteiga numa tigela no micro-ondas apenas para que fique líquida. Não deixe esquentar demais ou ferver. Despeje a manteiga por todo o lombinho de forma que ele fique completamente besuntado.
Triture as fatias de pão integral num multiprocessador até que fique completamente esfarelado. Junte as amêndoas em lascas e triture mais um pouco para que fiquem em pequenos pedaços. Espalhe a mistura de pão com amêndoas por cima do lombinho para que fique completamente coberto.
Cubra novamente com o papel alumínio e leve ao forno pré-aquecido a 230˚C por 50 minutos. Retire a cobertura e volte ao forno para gratinar a crosta de pão (aproximadamente mais 10 minutos).
Enquanto o lombinho assa, prepare o molho de barbecue de ameixa. Junte a ameixa, a mostarda e o mel numa panela pequena e aqueça em fogo baixo. Mexa bem até que tudo fique incorporado e aquecido. Não é necessário ferver. Ajuste as quantidades de mel e mostarda a gosto.
Retire o lombo do forno, corte em fatias e sirva regado com o molho de barbecue de ameixa.

Rende de 6 a 8 porções.

Esta receita é uma clássica da minha mãe. Sempre que tem almoços ou jantares especiais lá em casa ela prepara este prato e todos sempre amam. Tudo bem que eu fiz minhas mudanças básicas. Por exemplo, ela insiste que o pão tem que ser branco, mas eu acabei comprovando que pão integral funciona tão bem quanto.

Outra mudança que fiz foi acrescentar o molho de barbecue de ameixa para servir como acompanhamento do lombinho. Senti que faltava alguma coisa para deixar a carne de porco mais molhadinha, já que usei bem menos manteiga do que a quantidade indicada por ela. Sem contar que molhos adocicados à base de frutas são perfeitos para acompanhar lombinhos. No fim ficou uma delícia!

Por hoje é só.

Bom appetit!

Anúncios

Quando o esforço vale a pena

Para os céticos de plantão cozinhar sem gordura na busca por uma alimentação saudável pode significar fazer refeições sem gosto. Realmente um dos motes defendidos por chefs pelo mundo afora é que gordura é igual a sabor dentro de uma preparação.

Entretanto, há inúmeras maneiras de deixar um prato delicioso e cheio de sabor sem precisar acrescentar gorduras que, na maioria das vezes, acabam sendo prejudiciais à saúde. Uma delas é bem simples, por mais que seja um pouco demorada. O segredo é deixar carnes, peixes ou frangos marinando em temperos por algumas horas. Assim adquirem um gostinho fantástico sem prejudicar a alimentação saudável.

Cha shao (filé ao barbecue oriental)

Cha shao (filé ao barbecue oriental)

1 pedaço médio de filé magro (patinho, alcatra, filé mignon)
1 col. de sobremesa de mel
45 ml de vinagre de arroz

marinada
150 ml de shoyu light
90 ml de vinagre de arroz
150 ml de caldo de carne
1 col. de sopa de açúcar mascavo
1/4 de cebola picada
1 cm de gengibre fresco ralado

Modo de preparo:
Numa panela, junte os ingredientes da marinada e misture bem em fogo médio até começar a ferver para que o açúcar dissolva completamente. Abaixe o fogo e deixe cozinhar em fogo baixo mantendo uma leve fervura por aproximadamente 15 minutos. Após esse tempo, desligue o fogo e deixe esfriar completamente.
Corte o filé em pedaços médios e arrume numa forma refratária de forma que nenhum pedaço fique por cima do outro. Despeje a marinada completamente fria dentro da forma refratária e leve à geladeira. Deixe marinando de 4 à 6 horas.
Para assar a carne, pré-aqueça o forno em 200˚C. Retire os pedaços do filé da marinada e coloque em outra forma refratária anti-aderente. Leve para assar por 10 minutos. Nesse meio tempo, acrescente o mel e o resto do vinagre de arroz à marinada e mexa bem para ficar homogêneo. Retire a carne do forno e despeje metade da marinada por cima. Devolva a carne ao forno e asse por mais 5 ou 6 minutos até ficar pronto. Sirva em seguida.

Não vou mentir, este prato requer um pouco de paciência e tempo. Mas o resultado final vale todo o esforço. Impossível descrever a delícia que ficou o gostinho desta carne. Suave e docinho, o açúcar e o mel por estarem em quantidades pequenas não tornaram o molho adocicado demais. Uma vantagem em relação a outros barbecues que, para mim, têm a tendência de serem doce demais.

Prato tradicional da Malásia e Singapura, ele geralmente é feito com carne de porco. Entretanto, preferi substituir por um filé mais magro buscando justamente ter uma menor quantidade de gordura saturada. Dito isso, hoje já é possível encontrar cortes de carne de porco com pouquíssima gordura. Se preferir, opte por preparar a receita da maneira original. Tenho certeza que ficará uma delícia.

Por hoje é só.

Bon appetit!